A ansiedade que antecede ao momento de criar

* A diminuição súbita (geral) da energia de um sistema e todas as funções que dele dependem;
* O propalado "efeito dominó" e sua condição mais extrema: o colapso;
* A debilidade repentina das ações, adinamia de ritmo, queda do poder e forças, um momento ômega.

Scribere
Faço dos sinais gráficos, que conheço, os meus representantes. Desembaraçando os caracteres, leio-os, de viva voz. Minha expressão é redigida em linhas incompletas de palavras. A composição de letras dirigidas para registrar meu sonho literário. Escrevo, porque amo.


LuhanaSP

sábado, 14 de janeiro de 2012

Poesia

Fragmentos de vida
Cacos de si mesmo
Restos e mananciais
Matéria reciclada
Um pouco de tudo
E nada...
A falta e a abundância


Fazer poesia é uma suscetibilidade que o organismo adquire após a inoculação daquele primeiro verso ou pensamento poético. Seria um vírus? Depois deste momento é impossível parar.











4 comentários:

  1. Rilke diz que para saber se é poeta, basta tentar parar de escrever. Quem não conseguir, foi contaminado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Seguimos escrevendo, pois não há remédio... tratamos os sintomas com a própria moléstia.

      Excluir
  2. Pior é que é um mal incurável. Pode ser contagioso também.

    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sônia,

      É sempre uma alegria receber a visita da sua sensibilidade. Bjs

      Excluir

Aprecie sem moderação